Luís Eduardo Magalhães, Barreiras e região
Número vivo: (77) 9-9874-7440
VIVO (WHATSAPP)
(77) 9-9874-7440

Curta nossa página

Página da delegação brasileira em Genebra faz ataques a Jean Wyllys no Twitter

Página da delegação brasileira em Genebra faz ataques a Jean Wyllys no Twitter

Foto: Reprodução / Twitter

Após a discussão entre a embaixadora do Brasil na Organização das Nações Unidas (ONU), Maria Nazareth Farani Azevedo, e o ex-deputado Jean Wyllys (veja aqui), a página oficial da delegação brasileira em Genebra fez ataques a ele no Twitter.

 

Foram publicadas imagens do bate-boca com a informação de que o “ex-deputado vestido de vermelho” mostrou “incapacidade de aceitar o resultado das urnas”. O texto se refere às eleições presidenciais no Brasil, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) derrotou Fernando Haddad (PT) no segundo turno.

 

“Ao ter o direito de réplica cerceado pela mesa, tomamos a decisão, ao lado da Senadora #maragabrilli, de marcar o repúdio do Brasil aos ataques que ali estavam sendo desferidos e nos retiramos da sala em protesto”, escreveu a página.

 

DelBrasGENEBRA@BrasDel

No Conselho de Direitos Humanos hoje, ao lado da Senadora Mara Gabrilli, defendemos a democracia brasileira e suas instituições. Na mesa, ex-deputado, vestido de vermelho, mostra sua incapacidade de aceitar o resultado das urnas. pic.twitter.com/rTxhdVTIca

721 pessoas estão falando sobre isso

 

Segundo a colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, Jean Wyllys foi aconselhado a não reagir aos ataques. A página da delegação tem pouco mais de 400 seguidores no Twitter, enquanto a dele tem 764 mil.

BN

Compartilhar a postagem: