Luís Eduardo Magalhães, Barreiras e região
Número vivo: (77) 9-9874-7440
VIVO (WHATSAPP)
(77) 9-9874-7440

Curta nossa página

Alagoinhas-BA: Motorista de ônibus interestadual é baleado no rosto enquanto dirigia na BR-101

156511-3
O motorista de um ônibus interestadual foi baleado no rosto por bandidos enquanto dirigia pela BR-101, trecho de Alagoinhas, a cerca de 110km de Salvador. Segundo a polícia, o coletivo foi abordado por criminoso logo após o entroncamento com a BR-110.
Segundo informações da delegacia de Entre Rios, cidade para onde Daniel Barbosa Silva foi socorrido, o crime foi uma tentativa frustrada de assalto. O tiro atingiu a boca do motorista. Após o disparo, os criminosos — cuja quantidade a polícia não soube especificar — fugiram sem levar nada. Até a tarde deste domingo, ninguém tinha sido preso.
Conforme o registro feito por um representante da empresa do ônibus, feito na delegacia de Entre Rios, o crime aconteceu por volta das 23h40 da sexta-feira (16). O coletivo tinha saído do estado de São Paulo em direção ao município de Garanhuns (PE).
O motorista foi atendido no Hospital Municipal de Entre Rios e depois transferido para o Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador. Ainda de acordo com a delegacia, o ônibus tinha passageiros no momento do crime, mas ninguém ficou ferido.
114-750x430
macaubense
Compartilhar a postagem:

63 MILHÕES DE BRASILEIROS PODERIAM COMPRAR ARMAS COM NOVAS REGRAS

Projeto que prevê flexibilização das regras para posse de arma de fogo
avança na Câmara. Hoje, 63 milhões de pessoas estão aptas a comprar
uma, caso a venda seja liberada. Especialistas preveem consequências
desastrosas.
Promessa de campanha do presidente eleito, Jair Bolsonaro, a revogação do Estatuto do Desarmamento deve ganhar força com a posse dos novos parlamentares, em fevereiro. A medida, uma das mais polêmicas em debate na vida política nacional e na sociedade, coloca em jogo as estratégias de segurança pública e pode lançar o Brasil num caminho incerto no enfrentamento da violência. Especialistas criticam a iniciativa, apontando que as estratégias para combater o crime devem passar por melhorias no sistema de investigação, pelo aumento do efetivo policial e pelo avanço nas políticas sociais. Nos bastidores, deputados e senadores desta e da próxima legislatura se articulam para fazer a proposta avançar.
Um cruzamento de dados, realizado pelo Correio, com base no cadastro nacional de habilitados e em informações levantadas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), mostra que se o projeto de lei que trata do assunto for aprovado no Congresso, pelo menos 63 milhões de brasileiros estarão aptos a comprar uma arma de fogo. Atualmente, a mais avançada proposta que pretende revogar as leis que endurecem a obtenção de porte de armas é o projeto de lei 3.722/2012, de autoria do deputado Rogério Peninha Mendonça (MDB-SC). O texto está pronto para ser votado em plenário. Há mais  97 propostas sobre o assunto.
Pelo projeto, para conseguir posse de arma de fogo é necessário ter 21 anos completos e realizar teste de aptidão psicológica. Outro requisito é não ser alvo de acusação na Justiça ou investigação por crime doloso. Esses pontos podem ser alterados durante a votação no plenário. De acordo com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o Brasil tem mais de 66 milhões de pessoas com mais de 21 anos autorizadas a dirigir.
Para obter a Carteira Nacional de Habilitação, é necessário que o motorista realize teste de aptidão psicológica, semelhante ao que seria aplicado para obter a posse de arma, caso ocorra a flexibilização das regras. O motorista deve repetir o exame a cada cinco anos para renovação da autorização para dirigir.
De acordo com dados do “Relatório Justiça em Números”, em 2016, 3 milhões de novos casos criminais ingressaram na Justiça, sendo que 1,4 milhão de execuções penais estavam pendentes de cumprimento ao fim do mesmo ano.
Pelo Twitter, Rogério Peninha Mendonça disse que foi procurado por Jair Bolsonaro, que pediu que a apreciação da proposta fosse adiada até que deputados e senadores eleitos tomem posse. “Acabo de receber ligação do presidente Jair Bolsonaro. Ele concordou em deixarmos para o ano que vem a votação do projeto de minha autoria que revoga o Estatuto do Desarmamento”, escreveu. Na próxima legislatura, que assume em fevereiro, o partido de Bolsonaro, o PSL, será a segunda maior bancada da Câmara, com 52 deputados, ficando atrás apenas do PT, que tem 56 cadeiras.

Riscos

Diversos estudos projetam um cenário possível, caso o número de armas em circulação aumente no país. Atualmente, as forças de segurança têm grande dificuldade de impedir a entrada de armas de fogo pelos 17 mil quilômetros de fronteira terrestre. O especialista Bruno Langeani, gerente do Instituto Sou da Paz, destaca que existe uma ligação clara entre o aumento do número de armas na sociedade e o crescimento da violência. “Essa correlação já foi comprovada cientificamente. Quanto mais facilitada é a posse de armas, maior a violência letal”, frisa. “Estudo realizado pelo instituto apontou que 64% das armas apreendidas em 2011 e 2012 em São Paulo tinham sido fabricadas antes do Estatuto do Desarmamento”, diz.
De acordo com dados do Mapa da Violência, em 1980 foram registradas 6.104 mortes intencionais por armas de fogo. Na época, de acordo com o IBGE, o país tinha 120 milhões de habitantes, frente os 208 milhões atuais. Em 2003, ano em que o estatuto foi aprovado, esse número fechou em 36.115. A taxa de crescimento de assassinatos do tipo durante o período (1980-2003), foi de 8,1% ao ano. Entre 2003 e 2014, o índice subiu 2,2%. Os últimos dados, do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, revelam que entre 2016 e 2017, o número de mortes intencionais por arma de fogo cresceu 2,9%. De fato, o estatuto não provocou queda no número de mortes violentas, mas desacelerou o crescimento deste tipo de crime.

“Invasão” estrangeira

A bilionária indústria do setor de armas já se prepara para avançar sobre o território nacional. Atualmente, apenas profissionais de segurança pública, procuradores, juízes, vigilantes em serviço, guardas municipais e outros grupos menores têm acesso facilitado à posse e porte de armas. Mas a abertura de mercado, tanto nas forças de segurança quanto no meio privado, atrai a cobiça de grandes empresas armamentistas.
Uma audiência pública realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em 18 de outubro do ano passado, na sede da instituição, contou com a participação de nove empresas. Na ata da reunião estava o nome de representantes de empresas de diversos países.
De acordo com o documento, o encontro teve como objetivo avaliar a capacidade nacional e internacional para o fornecimento de armas voltadas a instituições brasileiras. No local, além de empresas brasileiras, como a Taurus e a estatal Imbel, compareceram representantes de fabricantes, como Glock (Áustria), Beretta (Itália), Smith & Wesson (EUA), Sig Sauer (Alemanha) e CZ (Tcheca). Atualmente, a Taurus mantém o monopólio da indústria de armas no país, mas esse cenário pode mudar, à medida que interlocutores de Bolsonaro afirmam que ele pretende abrir o mercado brasileiro para o mundo.

Sem preocupação

O presidente da Taurus, Salesio Nuhs, prevê aumento na demanda pelos equipamentos. “Independentemente de mudanças no Estatuto do Desarmamento, acreditamos que a eleição do novo presidente, certamente, vai aumentar a procura dos cidadãos brasileiros por armas de fogo para legítima defesa, proteção da família e da propriedade. Isso porque, na prática, a maioria da população desconhecia que era possível comprar armas de fogo no Brasil”, destaca.
Salésio também relata não se preocupar com a entrada de fornecedores estrangeiros no mercado nacional. “A Taurus é uma empresa global, exporta para mais de 85 países, portanto;  compete com as maiores empresas de armas nos mercados de exportação, que são extremamente competitivos, e está entre as maiores fornecedoras do mercado dos EUA”, disse.

Desarmamento na mira

O PL 3722/2012, que avança na Câmara, revoga o Estatuto do Desarmamento e pode permitir o acesso de milhões de brasileiros
a arma de fogo. Veja o que prevê o texto:

Requisitos

» Ser maior de 21 anos
» Não ter condenação por crime doloso
» Não ser alvo de investigação criminal (com dolo)
» Passar em teste psicológico
» Realizar curso de tiro

Cenário atual

» Portadores de Carteira de Habilitação com mais de 21 anos: 66.610.131
» Alvos de ações criminais em 2016: 3 milhões
» Em média 2,5 milhões de novos casos criminais deram entrada na Justiça por ano

Arsenal

» O Brasil possui 8,5 milhões de armas ilegais circulando nos estados, de acordo com projeções de especialistas
» 3,8 milhões dessas armas estão nas mãos de criminosos e são usadas em assaltos, homicídios e sequestros
» Em todo o país, 6,8 milhões de armas registradas estão circulando de forma legal. Esse número inclui o armamento de polícias, empresas privadas, colecionadores, caçadores e cidadãos que têm arma para se proteger
» 119.484 armas de fogo foram apreendidas pelas forças de segurança em 2017
» 94,9% das armas apreendidas no ano não estavam cadastradas no sistema da Polícia Federal (Sinarm)
» 13.782 armas registradas foram perdidas, extraviadas ou roubadas, o que equivale a 11,5% das armas apreendidas pelas polícias em um ano
» As armas legais que vão parar nas mãos de criminosos representam um mês de trabalho das polícias para retirá-las de circulação
Correio Braziliense / Fontes: Denatran,
CNJ, Anuário Brasileiro de Segurança Pública,  Câmara dos Deputados
Compartilhar a postagem:

Homem é encontrado morto dentro de casa em Barreiras

Na manhã deste domingo, 18, por volta das 9h, foi encontrado o corpo de um homem identificado por Josenaldo Rodrigues de Sousa, de 27 anos, natural de São Domingos/GO, no interior de sua residência na Rua Vila Vitória, no bairro Ribeirão, na cidade de Barreiras.

Segundo informações, a provável causa de sua morte tenha sido natural. Vizinhos contaram disseram que ele estava doente e o óbito teria ocorrido na madrugada de hoje.

O corpo de Josenaldo foi removido para o IML do DISEP onde passará por necropsia.

Reportagem de Jadiel Luiz/Blog do Sigivilares

Compartilhar a postagem:

LEM: CORPO DO HOMEM ENCONTRADO NO SETOR DE CHÁCARAS É IDENTIFICADO

Homem encontrado morto com vários disparos de arma de fogo, no lixo na Rua Geibson Rufino Araújo, Setor de Chácaras, em Luís Eduardo Magalhães na ultima quinta-feira 15/11, foi identificado por familiares que confirmaram que trata-se de Ronald dos Santos Araujo, 34 anos, natural de Juazeiro-Ba. Ronald era mecânico e trabalhava  em uma oficina no bairro Mimoso III em LEM.

Blog do jbnoticias.com.br

Compartilhar a postagem:

BAHIA: Estudantes desenvolvem aplicativo para mapear focos do Aedes Aegypti

Estudantes do Colégio Estadual Vitor Soares, localizado na Ribeira, lançaram o aplicativo (app) Aedes Play, resultado da culminância das atividades que têm o objetivo de conscientizar os alunos e a comunidade escolar sobre a responsabilidade no combate e na prevenção ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor de doenças como a dengue e o Zika vírus. O app foi lançado nesta quarta-feira (14) e está disponível para acesso no endereço: aedesplay.com

O professor e orientador do projeto, Marcos Pessoa, disse que o aplicativo contribuirá aos órgãos competentes no mapeamento e identificação de locais com focos do mosquito. “A ideia é que por meio do app o usuário possa tirar uma foto do local que possui o foco do Aedes. Por meio da geolocalização, é registrado o endereço onde foi tirada a foto. Aí, por meio do sistema, é possível ter acesso a todas as imagens e locais onde foram detectados os focos. O nosso objetivo é que essa informação também seja enviada para os setores de Saúde para que possam mapear essas situações. Queremos ainda incluir um game que será feito para incentivar ainda mais o combate ao inseto”, afirmou.

O estudante Diego Sousa, da Educação Inclusiva, destacou a importância da atividade para uma formação cidadã dos alunos. “Além deste envolvimento com a tecnologia, que resulta em um aprendizado diferenciado, a iniciativa de nos mobilizarmos para combater o Aedes Aegypti mostra que temos a chance de mudar a realidade ao nosso redor e podemos encontrar soluções para resolver esses problemas”, disse.

Assessoria de Comunicação – ASCOM

Compartilhar a postagem:

P & F: CONSULTORIA. SAÚDE E SEGURANÇA NO TRABALHO

A Clínica P & F informa aos seus clientes pacientes e amigos que apartir de 24 de Novembro P & F – CONSULTORIA. SAÚDE E SEGURANÇA NO TRABALHO estará atendendo com Otorrinolaringologista.

Não perca tempo e marque sua consulta!

Compartilhar a postagem:

Com saída de cubanos, 10 cidades na BA ficarão sem nenhum médico na assistência básica, diz Sesab

Governo estima que cerca de 3 milhões de pessoas fiquem sem assistência. Do total de municípios que têm o Mais Médicos na Bahia, em 99, cubanos são mais de 50% do total de profissionais da atenção básica.

Dez cidades baianas, todas com menos de 40 mil habitantes, ficarão sem nenhum médico para atendimento na assistência básica com a saída dos profissionais cubanos do programa Mais Médicos, anunciada nesta semana pelo governo do país. O executivo estadual estima que a decisão vai afetar a vida de cerca de 3 milhões de pessoas, que ficarão sem assistência.

A Bahia, que abriga 10% do total de médicos cubanos hoje no país, é o segundo estado que mais vai perder profissionais do Mais Médicos — fica atrás apenas de São Paulo, que tem 16% de todos os médicos de Cuba hoje no país.

Atualmente, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), a Bahia possui 1.522 médicos do Programa Mais Médicos, que estão alocados em 363 dos 417 municípios. Deste total de profissionais, 846 são cubanos, que estão distribuídos em 317 municípios — há médicos também de países como México, Espanha e Angola.

Os cubanos atendem, diariamente, 20,4 mil pessoas no estado — 326 mil mensalmente e 3 milhões anualmente. A estimativa do governo é que esses profissionais comecem a deixar o estado já a partir do dia 25 de novembro.

Os municípios baianos onde só médicos cubanos trabalham na assistência básica e que perderão 100% dos profissionais são:

Apuarema (3 médicos)
Central (6)
Correntina (8)
Itagibá (3)
Lafaiete Coutinho (2)
Lajedão (2)
Nova Itarana (3)
Nova Soure (5)
Palmeiras (4)
Pedro Alexandre (6)
Do total de municípios que contam atualmente com o programa Mais Médicos na Bahia, em 99, o número de médicos cubanos representa mais de 50% do total de profissionais da atenção básica.

Ainda conforme dados do governo local, 17 comunidades indígenas também ficarão sem assistência em todo o estado.

G1

Compartilhar a postagem:

LEM: PROJETO RENOVAÇÃO SOB A DIREÇÃO DE JOSÉ NILDO DA MUNDIAL FAZ DOAÇÃO DE ALIMENTOS PARA MORADORES DO BAIRRO SANTA CRUZ III

Na ultima quinta-feira 15 /11, o  Projeto Renovação sob a direção de José Nildo Da Mundial e a equipe de fé formada pelos irmãos Eronildo, Wenes, William, fez doação de mais 600 kg de alimentos para moradores do bairro Santa Cruz lll.

Gostaríamos de agradecer a todos os empresários que nos ajudaram a promover esse ato de solidariedade.

Blog do Jbnoticias.com.br

Compartilhar a postagem:

Em um ano, policlínicas de saúde realizam mais de 250 mil exames e consultas

A Policlínica Regional de Saúde em Teixeira de Freitas, a primeira da Bahia, já realizou mais de 76 mil exames e consultas desde o início das atividades, em 17 de novembro de 2017. Foram 33.127 exames e 43.277 consultas médicas em um ano, contemplando moradores de 13 municípios da região. Para marcar a data, a unidade está promovendo uma campanha destinada à captação de medula óssea, em parceria com a Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba).

A inauguração da unidade no extremo sul do estado foi o primeiro passo para a descentralização da saúde na Bahia. Atualmente oito policlínicas estão em atividade e outras 12 em construção. “A policlínica presta um serviço ambulatorial especializado de forma humanizada, conforme todas as diretrizes do Sistema Único de Saúde [SUS]. A gente prioriza também o ensino e a pesquisa. Trabalhamos com equipamentos orçados em mais de R$ 3,5 milhões, os melhores do país, e nos preocupamos com a humanização do local”, explica a diretora da policlínica em Teixeira de Freitas, Lizandra Amin.

A unidade oferece exames como colonoscopia, eletrocardiograma, endoscopia digestiva alta, ergometria, holter, mamografia, raio x, ressonância magnética com contraste e tomografia. “Já iniciamos o tratamento do pé diabético e temos a ultrassonografia”, acrescenta Amin.

A equipe médica é formada por 18 profissionais, divididos em 16 especialidades: angiologista, cirurgião-geral, endocrinologista, gastroenterologia, ginecologia, obstetrícia, dermatologia, hematologia, mastologia, oftalmologia, neuropediatra, ortopedia, otorrinolaringologia, pneumologia, reumatologia e urologia.

Municípios

O atendimento alcança os moradores de Caravelas, Alcobaça, Ibirapuã, Itamaraju, Itanhém, Jucuruçu, Lajedão, Medeiros Neto, Mucuri, Nova Viçosa, Prado, Teixeira de Freitas e Vereda. “São mais de 500 mil baianos. Quem vive fora de Teixeira de Freitas conta com ônibus com ar-condicionado, que faz o traslado todos os dias, gratuitamente, para levar do município até a policlínica e depois retornar para casa”, informa Amin.

Cada município da região, explica a diretora, montou seu sistema de regulação, marcando o dia e o horário na policlínica. “Além da garantia do exame e da consulta, o paciente sabe exatamente o horário em que vai ser atendido”.

Descentralização da saúde

O prefeito de Teixeira de Freitas, Temóteo Brito, ressalta que o município “está às margens da BR-101 e é a porta de entrada do desenvolvimento do Norte e Nordeste. Então, a policlínica é importante para toda a região. Eu fico muito feliz quando vejo o povo satisfeito. Todos os prefeitos estão satisfeitos e contribuindo com a sua parte para que a policlínica continue funcionando muito bem”.

Antes da unidade, revela Temóteo, a despesa da Prefeitura com saúde era grande, pois precisava levar os pacientes para outros lugares. “O povo tinha que ir para Salvador, Vitória, Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro. Era um sofrimento muito grande. Agora, tudo é resolvido aqui. Além da policlínica, o governador Rui Costa, juntamente com o secretário Fábio Vilas-Boas, anunciou que será construído aqui também o Hospital de Base”.

Novas policlínicas

As outras policlínicas funcionam em Guanambi, Irecê, Jequié, Feira de Santana, Alagoinhas, Santo Antônio de Jesus e Valença. Estão em construção as unidades em Barreiras, Juazeiro, Paulo Afonso, Senhor do Bonfim, Jacobina, Vitória da Conquista, Itabuna, Simões Filho, Ribeira do Pombal, São Francisco do Conde e duas em Salvador, sendo uma no bairro de Escada e outra em Narandiba.

O plano do Governo do Estado até 2022 é construir mais 4 policlínicas em locais a serem definidos. A média de investimento em cada unidade é de R$ 25 milhões.

Secom

Compartilhar a postagem:

Autor de 20 homicídios no Baixo Sul da Bahia é localizado pela PM e morre em confronto

‘Marcos Capeta’ tinha mandado de prisão em aberto e se escondia em localidades de zona rural. 

Marcos Bonfim dos Santos, conhecido entre os criminosos pelo apelido de ‘Marcos Capeta’, autor de 20 assassinatos, no Baixo Sul da Bahia, foi localizado pela Polícia Militar, na manhã de sexta-feira (16). Foragido da Justiça, ele vivia se escondendo em localidades com extensas áreas de zona rural.

Guarnições do Pelotão Especial Tático Ostensivo (Peto) Rural da 33ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Valença) promoviam ações de rotina, na localidade do Jequiriçá, em Valença, quando quatro homens foram avistados em duas motocicletas.

As equipes se aproximaram e, durante cerco, houve confronto. Marcos Capeta acabou ferido, socorrido para o Pronto Socorro da Santa Casa de Misericórdia de Valença, mas não resistiu. Os outros três criminosos conseguiram escapar. No local, os PMs apreenderam um revólver calibre 38, munições, dois pacotes de maconha e uma motocicleta modelo Titan 150. O caso foi registrado, na Delegacia Territorial de Valença.

 Divulgação SSP

Compartilhar a postagem:

Onyx Lorenzoni será interlocutor da bancada evangélica no governo Bolsonaro

Onyx Lorenzoni será interlocutor da bancada evangélica no governo Bolsonaro

Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

A bancada evangélica na Câmara dos Deputados escolheu o futuro ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, como interlocutor com o governo dos cerca de 180 deputados que compõem o bloco. De acordo com a Coluna do Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo, o grupo vai divulgar nota de apoio a Lorenzoni. O texto é assinado pelo presidente da Frente Parlamentar Evangélica, deputado Takayama (PSC-PR).

A nota afirma que o futuro ministro é “reconhecidamente probo”, apesar de já ter admitido ter recebido recursos de caixa 2 para campanha e ser investigado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) por suspeita de ter embolsado outros R$ 100 mil pela mesma via ilegal.

“Desde o primeiro mandato como deputado federal, há 15 anos, é considerado um dos cem parlamentares mais influentes do Congresso pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP).

[…] Ao seu passado ilibado, se soma uma atuação, no presente, de alta relevância e profissionalismo na coordenação da equipe de transição do novo governo. Nesse tocante, Onyx tem mantido contato permanente com os parlamentares, promovendo as articulações necessárias para a construção de um novo Brasil.

Por todos esses motivos a Frente Parlamentar Evangélica reconhece no ministro Onyx Lorenzoni um interlocutor do mais alto nível junto ao novo Governo da República”, diz parte da nota.

Compartilhar a postagem:

Dupla encapuzada invade Oeste Shopping e arromba cofre de correspondente bancário

Dois homens encapuzados arrombaram na madrugada deste sábado, 17, o cofre de um correspondente bancário da Caixa Econômica Federal localizado no interior do Oeste Shopping Popular, localizado na Rua Irará na divisa dos bairros Santa Cruz e Florais Léa, em LEM.

A dupla entrou pela lateral do Shopping e utilizou uma chave de fenda e dois pés de cabra para arrombar o cofre.

O valor levado pelos criminosos não foi divulgado.

Blog do Sigi Vilares

Compartilhar a postagem: